Em praticamente todas as minhas reuniões iniciais, percebo que os noivos chegam com muitas dúvidas. Com isso, separei algumas questões essenciais para te ajudar, e esclarecer o que de fato pode ou não pode no seu grande dia!

 

 

1- Nós pedimos RSVP, mas alguns convidados não responderam. O que devo fazer?

 

    O RSVP é a confirmação da presença no casamento e é de bom tom que os convidados respondam para que os noivos fiquem cientes da quantidade de pessoas que estará presente no casamento. Não conte com a presença se a pessoa não confirmou, peça ao seu cerimonialista para entrar em contato e confirmar a presença deste convidado.

 

2- Convidamos um amigo e sua companheira nominalmente para o nosso casamento. Agora eles terminaram e meu amigo quer trazer outro acompanhante que não conhecemos. Como posso dizer que não?

 

   Se você escreveu o nome dos dois no convite, nominalmente, claro que você pode negar. Como regra geral, os convites são pessoais e intransferíveis quando as pessoas são convidadas pelo nome. Tente explicar que você não conhece esse possível convidado e que você preferia que seu casamento ficasse restrito às pessoas mais próximas.

 

3- Ouvi dizer que normalmente 10 ou até mesmo 20 por cento dos convidados não comparecem ao casamento. Devo medir meus “gastos finais” a partir desse cálculo?

 

   Essa é uma atitude muito errada. Pois essa conta não é exata para todos os casamentos. Embora seja grande a chance das pessoas não poderem ir, a melhor maneira de calcular a quantidade de pessoas faltantes é através do RSVP. Peça a seu cerimonialista que telefone para quem não respondeu ou telefone até, você própria. Se você quer reduzir seu orçamento, pense nisso antes de enviar os convites e enxugue um pouco sua lista mas, na reta final nunca conte com a falta dos convidados sem um RSVP bem feito, ok?

 

4- No casamento de um amigo, aconteceu de passarem o microfone para um amigo bêbado e foi um vexame. Como fugir disso?

 

   Primeira coisa que vai te ajudar a não passar por isso: contratar um cerimonialista. Ele vai te ajudar nesses momentos e vai te deixar muito mais tranquila. E o mais importante, dê instruções explícitas para quem vai estar com o microfone nas mãos. Diga que em circunstância alguma ele deve passar o microfone para as mãos de outra pessoa que não a sua ou a do cerimonialista.

 

5 -Se eu fui convidado para o casamento de alguém, sou obrigada a convidá-lo para o meu?

 

   O Casamento é seu e você pode convidar quem você achar que faz parte desse momento. Isso pode parecer um pouco grosseiro, mas retribuir o convite nesses casos não é obrigatório. Eles mesmos por terem se casado sabem o quanto é complexo lidar com a lista dos convidados. Se você sentir a necessidade de se justificar explique que seu casamento terá uma lista pequena, apenas para familiares e amigos mais íntimos. Eles irão entender!

Nas próximas duas semanas, responderei mais 10 dúvidas frequentes de vocês, fiquem ligados!

 

Abraço,

Everton Coelho

Cerimonialista 
Tel.: 98355-6294

 

Email: coelhocerimonial@gmail.com
@evertoncoelhocerimonial
Revisão de texto: Camila Coriolano